• Capa_abril_Site-100.jpg

A deputada Sónia Silva destacou hoje, numa intervenção, na Assembleia Legislativa da Madeira, a evolução registada no concelho de Câmara de Lobos, nos últimos anos, salientando o grande investimento que houve na educação e nas pessoas “e, consequentemente, no progresso, modernização e desenvolvimento local”.

“Uma população mais instruída e qualificada tem mais hipóteses de garantir melhores condições de vida”, lembrou, referindo que Câmara de Lobos, em particular, é um dos mais populosos da nossa Região, com cerca de 35 mil habitantes, sendo que mais de 30% da população tem menos de 25 anos.

“Histórica e culturalmente, arrisco-me a dizer, foi o concelho que mais lutou para suprir as muitas necessidades e estigmas a ele associado. E conseguiu!”

Hoje, realça Sónia Silva, “quem vive e quem visita Câmara de Lobos, encontra boas acessibilidades, distintos pontos de interesse, diversos serviços, centros das freguesias requalificados, contribuindo para um cartaz que dignifica não só o concelho como todo o arquipélago”.

A deputada reforçou que Câmara de Lobos é um dos concelhos da Madeira com mais jovens, e esse indicador tem sido o mote para a autarquia disponibilizar uma atenção muito particular a esta camada da população. 

“Porventura, e a nível regional, podemos afirmar que Câmara de Lobos é a autarquia que mais dinamismo e inovação tem incutido nas políticas educativas municipais”, disse.

Segundo Sónia Silva, a autarquia traçou um projeto inovador, que paulatinamente tem vindo a ser complementado com novas valências, num investimento que ascende os 900 mil euros.

Desde 2012, referiu, a cidade de Câmara de Lobos integra a Associação Internacional das Cidades Educadoras, uma rede com cerca de 480 cidades de 35 países, de todos os continentes.

No seguimento desde processo, adiantou, a autarquia elaborou a sua Carta Educativa, sendo das poucas Câmaras que já o fez, instrumento que pretende ser um documento dinâmico de planeamento e ordenamento da rede educativa do concelho.

Além disso, têm sido implementadas várias iniciativas destinadas a apoiar as escolas e a contribuir para a concretização de uma educação mais inclusiva e que valoriza o potencial das crianças e jovens do concelho

De acordo com a deputada, é este o dinamismo do Partido Social Democrata e deste executivo, em concreto, pois tem sido incansável na procura de melhores e mais respostas para a população infantojuvenil do concelho.

“E, se porventura, algumas atividades tiveram de ser suspensas devido à pandemia, houve a sensibilidade e o cuidado de disponibilizar outras medidas e apoios às nossas crianças e jovens e às suas famílias.”

A título de exemplo, referiu a atribuição de cabazes de alimentos ou de cartões de compras para aquisição de bens alimentares de primeira necessidade a alunos do 1.º Ciclo, devidamente sinalizados, num trabalho de articulação com a Delegação Escolar, Diretores das Escolas e Serviços Locais de Segurança Social.

Neste âmbito, a autarquia adquiriu tablets, routers de banda larga e portáteis, e lançou uma campanha solidária com o objetivo de recolher computadores para ceder a alguns alunos do concelho.

Além disso, aderiu à iniciativa do Novo Banco Crowdfunding, destinada à angariação de donativos para aquisição de material informático para as crianças com necessidades especiais e/ou com dificuldades de aprendizagem, acompanhados no âmbito do projeto Passo a Passo e unidades especializadas das escolas dos 2º e 3º ciclos.

Para a deputada, é, assim, “mais do que evidente, o investimento feito pela autarquia de Câmara de Lobos, em matéria educativa. Um investimento concreto, incisivo e transformador”.

Sónia Silva sublinha que a autarquia avalia os projetos que implementa, ouve a população e os seus parceiros e, em conjunto, define novas prioridades para o concelho.

“Temos uma autarquia próxima do povo, próxima das instituições, próxima das famílias, e focada na melhoria da qualidade do ensino de todos os que estudam em Câmara de Lobos.

Temos uma autarquia que investe nos jovens, que procura criar um concelho mais justo, mais solidário, com mais oportunidades, com um futuro mais promissor.

Que arrisca, que procura caminhar devagar, mas firme, consolidando projetos, e transformando efetivamente a vida de quem deles usufrui.

Hoje temos um concelho forte, promissor e apetecível, que se encontra no caminho certo, e comandado pelos melhores e mais capazes.”