• slideCampanha3.jpg
  • slideCampanha2.jpg
  • slideCampanha7.jpg
  • slideCampanha4.jpg
  • slideCampanha5.jpg
  • slideCampanha6.jpg

O grupo parlamentar do PSD considera que a medida anunciada, recentemente, pelo Governo Regional, no sentido de garantir a gratuitidade do passe social para os reformados e pensionistas, até um determinado valor de pensão, terá "um alcance enorme" na população e "expressa bem a justiça social".

"Um Governo do Partido Social Democrata tem de ter medidas deste tipo, imbuídas de justiça social", salientou o deputado Sérgio Marques, numa iniciativa realizada hoje em Santo António.

"Faz sentido que para aquelas pessoas com menores rendimentos, nomeadamente os pensionistas e os reformados, possam auferir de um título de transporte gratuito para fomentar também a sua mobilidade", acrescentou.

O deputado salientou que, com esta medida, o Governo está a conjugar valores de solidariedade social com favorecimento à mobilidade dos cidadãos e valores ambientais, na medida em que está a incentivar a utilização dos transportes públicos, ajudando da diminuir as emissões de dióxido de carbono produzidas pelos automóveis.

Sérgio Marques sublinhou que esta é uma medida que ainda está a ser trabalhada pelo Governo Regional, mas que deverá abranger a maioria das 68 mil pessoas que recebem pensões. 

Quando ao investimento neste novo apoio, Sérgio Marques afirmou que "todas as medidas em torno da mobilidade e dos passes sociais estão estimadas em 6,5 milhões de euros", sendo que a este valor irá acrescer aquele que será reservado para esta medida complementar, destinada ao reformados e pensionistas.