• bannerSitePSDM3jan2020.jpg

1. O PSD/Madeira congratula-se com a aprovação, na Assembleia da República, por unanimidade na especialidade, da proposta que altera o atual modelo de subsídio de mobilidade. Uma proposta que, vindo permitir que os madeirenses e porto-santenses paguem, apenas, o preço das viagens, acaba por dar razão à Região, à Assembleia Legislativa, ao Governo Regional e ao PSD/Madeira, depois de 3 anos de intensa luta na sua resolução.

2. Esta aprovação, que peca por tardia, representa o melhor para esta Região e é nisso que o PSD/Madeira está e esteve sempre empenhado. Lamenta-se, porém, que tenham sido necessários 3 anos de espera e que esta aprovação aconteça, apenas, em véspera de eleições, impossibilitando que os nossos residentes venham a beneficiar, desta alteração, já no verão.

3. Assim como se repudia que o PS – que só recuou na sua intenção de voto para evitar a vergonha de não estar ao lado dos nossos residentes, sabendo de antemão que o PSD, CDS, PCP, BE, PAN e Verdes, iriam votar favoravelmente – venha agora regozijar-se com uma realidade que já devia estar implementada em 2019 e que só não foi possível precisamente porque os socialistas, no Governo da República e na Assembleia da República, votaram sempre contra, recusando, particularmente, esta proposta, há um ano atrás.

4. Reforça-se, por fim, que o PSD/Madeira e o Governo Regional conseguiram mais uma conquista para a Região e que a nossa persistência e o nosso empenho, ao longo dos últimos 3 anos, valeu a pena, em nome daqueles que defendemos, sempre e não apenas em função de interesses político-partidários.

O Secretário-Geral do Partido Social Democrata da Madeira

José Prada