• bannerSitePSDM3jan2020.jpg

Em resposta às declarações do Presidente da Câmara Municipal de Santa Cruz (CMSC), cumpre aos Deputados Municipais do PSD na esclarecer o seguinte:

1. Estranhamos o ataque do senhor Presidente da Câmara Municipal de Santa Cruz no que respeita ao chumbo do PSD às Áreas de Reabilitação Urbana (ARU), em Reunião de Assembleia Municipal. O edil de Santa Cruz já deveria saber que pouca vergonha é tentar ludibriar os Munícipes, costurando fatos à medida do freguês.

2. Detetamos, na última Assembleia Municipal, que o JPP aumentou as áreas limite das ARU, havendo uma clara discrepância entre os documentos entregues aos deputados municipais e os assuntos que estavam a ser discutidos para aprovação.

3. Em consciência, não podemos votar favoravelmente um documento com a importância da ARU, quando este suscita dúvidas, quando este não é transparente, nem rigoroso.

4. Estamos sempre a favor do investimento no concelho de Santa Cruz e votaremos sempre a favor do investimento desde que este seja credível, transparente e rigoroso, porque a nossa preocupação é com o bem-estar da população Santa-Cruzense. Jamais alinharemos em estratégias duvidosas, nem em fatos costurados à medida do freguês.

5. Vergonhoso é que se passa na Câmara Municipal de Santa Cruz:

a) É uma pouca vergonha a situação dos 26 precários no Município de Santa Cruz que, passados três anos, deveriam ser integrados nos quadros, e agora foram obrigados pelo executivo do JPP a passar recibos verdes a uma empresa, subcontratada pela Autarquia, para desempenharem as mesmas funções.

b) É uma pouca vergonha extorquirem dinheiro aos Santa-Cruzenses, através da taxa de Proteção Civil, e com o dinheiro arrecadado – que daria para recuperar o quartel dos Bombeiros – a Câmara reabilitou apenas duas salas da sede da corporação.

c) É uma pouca vergonha aplicar uma ecotaxa e não manterem limpos os espaços públicos, as veredas turísticas e caminhos municipais – quem o diz são os próprios turistas e hoteleiros locais.

d) É uma pouca vergonha a utilização do dinheiro dos Munícipes em avenças de advogados, que já ultrapassam 1 Milhão de Euros, sem que se saiba qual o resultado prático dessa contratação.


Santa Cruz, 12 de março de 2019

Os Deputados Municipais do PSD de Santa Cruz