• Capa_abril_Site-100.jpg

Quem desilude é quem mente à população, aquele que não tem palavra

1 - O Orçamento Regional para 2019 foi pensado e definido para melhorar a vida das pessoas, das famílias e das empresas.

2 - As novas medidas – das quais se destacam o Kit Bebé para novos nascimentos, a redução em 40% do valor das creches, o passe sub-23, as viagens para os estudantes universitários a 65€, os passes sociais a 30€ e a 40€, o descongelamento das carreiras, a contratação de novos funcionários, nova redução do IRS e do IRC – demonstram a seriedade com que o PSD/Madeira assume as suas responsabilidades e as suas promessas, ao mesmo tempo que reafirma – ao contrário de outros – que a Madeira é a sua prioridade. Isto sim é ser arrojado. Isto sim é dar passos firmes, com planeamento sério e consistente e um olhar atento sobre a população.

3 - O Orçamento para 2019 prova que o Governo do PSD é um exemplo a seguir por outros. Porque protege as pessoas (ao contrário de outros), porque executa o que promete (ao contrário de outros), porque diminui impostos (ao contrário de outros) e porque garante investimento (ao contrário de outros).

4 - Não se entendem assim as críticas vindas de quem foge das suas responsabilidades, em todos os sentidos e variantes, e se limita ao ruído sobre coisas que não domina.

5 - Como se pode falar de “credibilidade” quando “credibilidade” é precisamente o que não se tem? Quem mente à população, quem não cumpre o que promete, é que não tem credibilidade.

6 - É fácil criticar, ainda que sem ideias, porque difícil é fazer, como se vê quando se aborda o Funchal. E enquanto viaja em iniciativas partidárias que não são da sua conta, é o Funchal que perde e que se desgoverna, fruto do abandono de quem não se importa em transformar a cidade num fantoche de propaganda. E para receber o ordenado.

7 - Quanto às “clientelas”, o PSD/Madeira assume a crítica. Ao contrário de outros, curvados aos ditames de Lisboa e de “clientelas” sinistras e obscuras, o PSD nunca abandona a sua “clientela”, o Povo da Madeira e do Porto Santo.

Funchal, 17 de Dezembro de 2018

O Secretário-Geral do PSD/Madeira

Rui Abreu