• bannerSitePSDM3jan2020.jpg

O deputado Paulo Neves classificou de “vergonha”, “abuso” e de “indecência” os preços praticados pela TAP nas ligações entre o Continente e a Madeira. O deputado madeirense responsabilizou o governo da República por essa situação pois “o Estado - governo - é dono de metade da TAP e não faz nada para contrariar esta situação”.

Perante o novo Ministro com a tutela dos transportes, Pedro Nuno Santos, Paulo Neves também responsabilizou o governo da República de nada fazer para melhorar o atual sistema de mobilidade aérea entre a Madeira e o Continente, apesar de já terem sido aprovadas várias sugestões de melhoria mas que “o governo do PS” não respeitou nenhuma.

O deputado, eleito pelo PSD-Madeira, confrontou ainda o ministro Pedro Nuno Santos com os prejuízos da TAP, responsabilizando o governo pelos “resultados de má gestão e de mau serviço”.

Intervenção