• bannerSitePSDM3jan2020.jpg

Os Deputados do PSD à Assembleia da República confrontaram a Ministra da Cultura e o conselho de administração da RTP-M com a discriminação dos trabalhadores precários da RTP-M.

De acordo com a Deputada Sara Madruga da Costa “há três anos que o PSD tem vindo a denunciar na Assembleia da República, situações verdadeiramente inadmissíveis e de clara discriminação dos trabalhadores do Centro Regional da RTP-M perante os trabalhadores dos outros centros da RTP”.

“Esta situação é infelizmente mais uma”, referiu a Deputada social democrata que “estranha que os trabalhadores da RTP-M, tenham sido os únicos a ficar de fora do PREVPAP (Processo de Regularização Extraordinária dos Vínculos Precários do Estado).

O PSD exige por isso ao Governo da República e ao conselho de administração da RTP que expliquem quais as razões por detrás de mais esta discriminação aos trabalhadores da RTP-M, que justifiquem porque motivo foram rejeitados os pedidos de integração destes trabalhadores e validados os do continente e dos Açores e que se comprometam com uma data para a integração dos mesmos na RTP.