• Capa_abril_Site-100.jpg
Notícias
  Quinta, 19 Maio 2022

O Grupo Parlamentar do PSD destacou, hoje, a importância das comunicações numa região ultraperiférica como a Madeira no contexto das acessibilidades, que servem de temática a mais um Roteiro dos deputados social-democratas, tendo o deputado Carlos Rodrigues sublinhado que, neste momento, estão criadas as infraestruturas para que os operadores possam aceder às comunicações a um custo mais reduzido e refletirem essa realidade junto do consumidor final.
Neste âmbito, foi realizada uma visita à estação do Amparo, onde é feita a nova ligação por cabo submarino a Sines, a qual, conforme explicou Carlos Rodrigues, permite, “quer em termos de condições tecnológicas, quer em termos de custo, uma evolução bastante acelerada”.
O deputado salientou que a grande preocupação manifestada pelos operadores era o facto de o cabo existente anteriormente estar desatualizado. Perante esta situação, referiu, “o Governo substituiu-se à obrigação que era do Governo central e promoveu este investimento de cerca de 15 milhões de euros, que se traduz numa ligação a um cabo que vem desde a América do Sul até ao Continente Europeu com uma ramificação para a Madeira”.
Ramificação essa, reforçou, que foi custeada pelo Governo Regional e que traz como benefícios imediatos a disponibilização de um cabo com uma capacidade 200 vezes superior à que existia, dando uma grande margem de crescimento em termos de utilização e, acima de tudo, uma enorme redução de custos das comunicações.
“Tínhamos custos que eram muito superiores àqueles que existiam ao nível do Continente português. Neste momento, com este investimento, há uma redução de cerca de 96 por cento”, disse.
No entanto, Carlos Rodrigues alerta que para que esta redução tenha efeitos no custo final para o utilizador “é necessário que todos os operadores que estão no mercado utilizem esta via”, uma vez que a infraestrutura já está criada e as condições já estão disponibilizadas.