• Capa_abril_Site-100.jpg
Notícias
  Sexta, 18 Fevereiro 2022

“Naquele que tem sido o longo percurso vitorioso do nosso Partido, a JSD/Madeira assume-se como um alicerce fundamental de renovação e de consistência inter-geracional do PSD/Madeira, uma organização viva e ativa que serve de base e que tem prestado um fundamental contributo, em particular ao ciclo político que agora se encerra”, afirmou, esta noite, o Presidente do PSD/Madeira, Miguel Albuquerque, na abertura da Universidade Jota 2022.

Um contributo que foi da maior importância para as cinco vitórias consecutivas alcançadas desde 2019 e para a derrota em toda a linha das esquerdas que o Presidente do PSD/Madeira espera reforçado para o futuro e, desde já, para o próximo ciclo político que se inicia com o Congresso Regional do PSD/Madeira a 5 e 6 de março, assumindo, desde já e como objetivos, a vitória nas Eleições Regionais de 2023 e nas Autárquicas de 2025.

Miguel Albuquerque que, reiterando a importância do PSD/Madeira ter recuperado, nas Autárquicas de 2021, as principais Câmaras Municipais e a maioria das Juntas de Freguesia, também fez questão de lembrar que, nas recentes Eleições Legislativas Nacionais do passado mês de janeiro, a Madeira foi a única região do País a resistir e onde a coligação PSD/CDS ganhou, neste caso em 10 dos 11 concelhos da Região.

Reafirmando a sua luta pela defesa da Autonomia e pela defesa dos direitos de todos os Madeirenses, o Líder dos Social-democratas disse mesmo “que quem não sabe o que é nem o que quer, perde” e que é precisamente essa clareza, esse rumo e essa determinação que fazem do PSD/Madeira um Partido vencedor, que conta com todos para continuar este caminho e, especialmente, com as novas gerações.