• Capa_abril_Site-100.jpg
Notícias
  Domingo, 12 Dezembro 2021
Um Orçamento social e amigo das famílias. É desta forma que o Grupo Parlamentar do PSD define o Orçamento da Região para 2022, onde a componente social representa a maior parte das verbas disponíveis.
 
Numa iniciativa junto ao instituto da Segurança Social da Madeira, a deputada Conceição Pereira sublinhou que são várias as medidas previstas para apoiar as pessoas com maior carência e em situação de maior fragilidade, mas também as famílias no geral, sendo estas transversais aos diferentes departamentos de governação.
 
Algumas delas, referiu, são pioneiras na Região e representam um importante reforço aos apoios convencionais. Entre elas, o Kit bebé, com 1,3 milhões reservados no Orçamento para 2022, e o Programa +Visão, que inclui Seniores e jovens, com uma dotação de 1,4 milhões de euros.  Além do apoio às famílias com crianças a frequentarem as creches e jardins de infância, com 4,3 milhões de euros e o Apoio à Pessoa em Situação de Sem-abrigo, com dotação global de 15,7 milhões de euros prevista para 2022.
 
“Estamos perante um orçamento que protege as famílias, os mais desfavorecidos, mas também os nossos jovens e, sobretudo os mais velhos, havendo para estes últimos um reforço no Complemento Social do Idoso, com uma dotação de quatro milhões de euros. 
 
Segundo a deputada, só no conjunto dos apoios referidos, estamos a falar de valores que ascendem a 26,7 milhões de euros. Contudo, a questão social abrange muito mais, passando também pelas áreas da educação e da saúde, que, no Orçamento para 2022, absorvem mais de 700 milhões de euros.