• Capa_abril_Site-100.jpg
Notícias
  Sábado, 19 Junho 2021

Avaliar aquela que tem sido a atuação da estrutura em tempo de pandemia, traçar novos desafios e reforçar a união e a mobilização rumo à vitória nas Autárquicas foram os principais objetivos do Conselho Regional dos Trabalhadores Social-democratas da Madeira (TSD/M) que hoje teve lugar, em Câmara de Lobos. Um encontro que, respeitando as regras emanadas pelas Autoridades de Saúde, foi bastante participado e demonstrativo da força e da disponibilidade desta estrutura em fazer parte do projeto autárquico e do sucesso, reafirmado enquanto objetivo comum.

Presente na sessão de abertura, o Secretário-geral do PSD/M, José Prada, reconheceu o trabalho que tem vindo a ser desenvolvido pelos TSD/M e lembrou a necessidade do Partido, através das suas diferentes estruturas, continuar sempre próximo da população e atento às suas necessidades – neste caso dos trabalhadores e das empresas – de modo a afirmar a Social-democracia mas, também, por forma a encontrar novas respostas e soluções, hoje ainda mais exigentes face à pandemia. 

“Aquilo que mais nos diferencia dos outros Partidos – além da palavra honrada e do compromisso que todos os dias renovamos com a nossa população – é o facto de sermos, sempre, os primeiros a identificar os problemas e, também, os primeiros a apresentar soluções, até porque é essa a nossa identidade”, disse.

José Prada que, na ocasião, reiterou que “todos, sem exceção, têm um contributo a prestar ao Partido e que todos são importantes para os desafios que se avizinham”, apelando à união e à mobilização de todos os militantes e deixando claro que é também da vitória nas Autárquicas que  depende a estabilidade e a paz social que o PSD/M diariamente constrói na Região.

Já o Presidente dos TSD/M, Amílcar Gonçalves, reconheceu o papel que os mais de 1.500 militantes que integram a estrutura têm vindo a cumprir, nos vários setores de atividade e especialmente numa conjuntura difícil e totalmente alterada pela pandemia, lembrou o extraordinário papel que o Governo Regional assumiu no combate e controlo da COVID-19 na Região e também deixou uma palavra de reconhecimento a todos os trabalhadores e às empresas pela resiliência, pela responsabilidade e pela abnegação demonstradas neste último ano e meio.

Sublinhando que os tempos não são fáceis e que são inúmeros os desafios que se colocam tanto às empresas como aos trabalhadores, o Presidente dos TSD/M evidenciou a grande responsabilidade que a estrutura a que preside assume não só no apoio direto a quem mais precisa – que é para manter e reforçar – mas, também, na identificação dos problemas e consequentes respostas.

Reiterando a total disponibilidade da sua estrutura para apoiar e fazer parte do projeto autárquico e da vitória a que o PSD/M aspira, Amílcar Gonçalves garantiu que, com humildade, sentido de missão e união, todos os TSD/M estarão no terreno e irão colaborar em mais esta batalha política. Ocasião em que também lembrou que, sob a sua direção, a estrutura alargou-se a todos os concelhos e atraiu mais 300 militantes.