• Capa_abril_Site-100.jpg
Notícias
  Quinta, 18 Março 2021

O Grupo Parlamentar do PSD manifestou, hoje, a sua preocupação relativamente à situação dos trabalhadores da Groundforce, não só no que se refere à questão dos salários em atraso, como também relativamente ao clima de incerteza quanto ao futuro.

Após uma reunião com a Subcomissão de Trabalhadores da SPdH/Groundforce do Funchal e Porto Santo, o deputado Brício Araújo afirmou que se trata de uma empresa “estratégica” e “fundamental”, pelo que é “muito importante”, nesta altura, que o Governo da República “possa estabelecer plataformas de consenso, e também de bom-senso, nesta negociação com o acionista privado para que, rapidamente, a empresa possa ter os meios financeiros necessários, não só para fazer face aos salários em atraso, mas também para que possa ultrapassar esta situação circunstancial relacionada com a pandemia e voltar aos desempenhos financeiros do passado”.

O deputado lembrou que estamos a falar de uma empresa que já apresentou resultados positivos e que tem demonstrado ser viável, estando agora a passar por dificuldades resultantes da pandemia.

Nesse sentido, defende que essa plataforma de entendimento deve ser alcançada o mais brevemente possível porque “toda esta incerteza negocial vem também prejudicar a Groundforce”, uma vez que tem contratos em vigor e essa situação de instabilidade acaba por afetar esses contratos e o futuro da empresa.

Brício Araújo salientou que deveriam existir neste tipo de parcerias entre Estado e privados mecanismos de reação imediatos, que estivessem previstos nos acordos estabelecidos. No entanto, no momento, realça que o fundamental é chegar a um consenso para dotar a empresa dos meios financeiros para ultrapassar a situação atual.