• bannerSitePSDM3jan2020.jpg
Notícias
  Terça, 7 Julho 2020

Partido reconhece o esforço que tem vindo a ser desenvolvido, a todos os níveis, para fazer face à pandemia, reafirma a sua vontade de vencer em 2021 e confirma a realização do Congresso Regional em novembro, depois de reunido o Conselho Regional e promovidas as Eleições do Secretariado e da Comissão Política. Ocasião em que foi também valorizada a recente visita do Presidente da República à Região.

 

A Comissão Política do PSD/Madeira, hoje reunida, começou por reiterar o seu compromisso a favor da Madeira, evidente na forma como o Governo Regional tem vindo a gerir o combate e a contenção da pandemia COVID-19, num trabalho a favor da saúde de todos os Madeirenses e Porto-santenses “que fez da Região, atualmente, exemplo, nacional e internacional”. A este propósito, sublinhou todas as medidas e todos os apoios que têm vindo a ser prestados, pelo Executivo Regional, tanto às famílias quanto às empresas, numa estratégia que tem conseguido, conforme destacado pelos Social-democratas, “afirmar a defesa intransigente da saúde pública e da segurança da população, em primeiro lugar, conciliando-a com a necessária manutenção do emprego e com a progressiva retoma económica”. Ainda neste enquadramento, a eficácia e o profissionalismo do Sistema de controlo que foi implementado nos Aeroportos da Região foi igualmente valorizado, como forma de minimizar os riscos associados à pandemia.

Reiterando a defesa incondicional dos interesses da Região, em primeiro lugar e em todas as circunstâncias, a Comissão Política congratulou-se, ainda, com as diligências levadas a cabo pelos deputados do PSD/M eleitos à Assembleia da República, para que a Madeira visse aprovada uma das suas justas reivindicações, concretamente no respeitante à moratória nas prestações do PAEF, lamentando, em sentido oposto, “a falta de seriedade e responsabilidade que o PS/M demonstrou neste processo, insistindo numa postura que, em vez de apoiar e defender o povo madeirense, limitou-se, mais uma vez, a desculpar a falta de solidariedade da República para com a Madeira, deixando evidente quem é que está ao lado da Madeira e do Porto Santo e quem é que está contra”.

Comissão Política que, lembrando a recente visita do Presidente da República à Região – “visita essa fundamental para que o Chefe de Estado visse, ouvisse e compreendesse as preocupações e justas reivindicações do povo madeirense junto da República” – espera que, dessa mesma visita, a defesa da Madeira possa sair facilitada e reforçada a nível nacional, atendendo ao compromisso que foi assumido, por Marcelo Rebelo de Sosa, junto do Governo Regional e de todos os Madeirenses.

Enaltecendo, por fim, a postura responsável que os militantes Social-democratas continuam a assumir nesta fase pandémica, os Social-democratas reafirmaram a vontade de vencer as Eleições Autárquicas de 2021 – na base de uma estratégia que, em breve, será partilhada junto das bases – e confirmaram a realização do Congresso Regional no próximo mês de novembro, precedido de Conselho Regional em setembro e das Eleições, tanto para o Secretariado do Partido quanto para a Comissão Política, em outubro, em datas que oportunamente serão divulgadas.

 

CONCLUSÕES DA REUNIÃO DA COMISSÃO POLÍTICA DO PSD/MADEIRA

Funchal – 7 de julho de 2020

 

O PSD/Madeira reuniu hoje a sua Comissão Política. Desta reunião resultaram as seguintes conclusões:

1. A Comissão Política congratula-se e reconhece o extraordinário trabalho que tem vindo a ser desenvolvido, pelo Governo Regional, no combate e contenção da pandemia COVID-19, num trabalho a favor da saúde de todos os Madeirenses e Porto-santenses que fez da Região, atualmente, exemplo, nacional e internacional.

2. Sublinha, igualmente, todas as medidas e todos os apoios que têm vindo a ser prestados, tanto às famílias quanto às empresas, pelo Governo Regional, numa estratégia que tem conseguido afirmar a defesa intransigente da saúde publica e da segurança da nossa população, em primeiro lugar, conciliando-a com a necessária manutenção do emprego e com a progressiva retoma económica da Região.

3. Reconhece, ainda, a eficácia o e profissionalismo do Sistema de controlo que foi estabelecido, tanto no Aeroporto Internacional da Madeira quanto no Aeroporto do Porto Santo, sublinhando a importância deste controlo na minimização dos riscos.

4. Reiterando a defesa incondicional dos interesses da Região, em primeiro lugar e em todas as circunstâncias, a Comissão Política congratula-se, também, com as diligências levadas a cabo, pelos deputados eleitos à Assembleia da República, para que a Madeira pudesse ver já aprovada uma das suas justas reivindicações, concretamente no respeitante à moratória nas prestações do PAEF. Uma vitória que é, acima de tudo, da Madeira e de todos os Madeirenses e que irá permitir que a Região reforce a sua capacidade de resposta a necessidades que são urgentes, decorrentes da pandemia.

5. A este nível, a Comissão Política lamenta a falta de seriedade, de sensibilidade e de responsabilidade que o PS/M demonstrou neste processo, insistindo numa postura que, em vez de apoiar e defender o povo madeirense, limitou-se, mais uma vez, a desculpar e a disfarçar os atrasos e a falta de solidariedade da República para com a Madeira, deixando evidente quem é que verdadeiramente está ao lado da Madeira e do Porto Santo e quem é que está contra a Região e a favor de um Estado que teima em discriminar, pela negativa, os cidadãos portugueses que aqui residem.

6. A Comissão Política enaltece, ainda, a recente visita do Presidente da República à Região. Uma visita que foi fundamental para que o Chefe de Estado visse, ouvisse e compreendesse as preocupações e justas reivindicações do povo madeirense junto da República, esperando-se que, a partir de agora, a defesa da Madeira saia facilitada e reforçada perante o compromisso que foi assumido junto do Governo Regional e de todos os Madeirenses.

7. Contra o populismo e a demagogia da oposição, o PSD/Madeira continuará a trabalhar em prol de todos os Madeirenses e Porto-Santenses e, nesta fase, a favor da recuperação social e económica que se impõe, reafirmando a sua total disponibilidade para esgotar todas as soluções, seja em diálogo com o Governo da República, seja no Parlamento nacional, no sentido de garantir a defesa do interesse superior desta Região.

8. A Comissão Política reconhece, por fim, a postura responsável que os militantes Social-democratas continuam a assumir nesta fase pandémica, postura essa que tem sido determinante e exemplar não apenas do ponto de vista da cidadania, mas, também, do trabalho que é para continuar rumo à vitória nas autárquicas de 2021.

9. A este propósito, a Comissão informa que, em breve, será dada a conhecer a estratégia de atuação partidária rumo às Autárquicas de 2021 e confirma que o Congresso Regional do PSD/M terá lugar no próximo mês de novembro, precedido de Conselho Regional em setembro e das Eleições, tanto para o Secretariado do Partido quanto para a sua Comissão Política, em outubro, em datas que oportunamente serão divulgadas.

 

Funchal, 7 de julho de 2020

A Comissão Política do PSD/Madeira