• bannerSitePSDM3jan2020.jpg
Notícias
  Sexta, 28 Fevereiro 2020

O desinvestimento a que se tem assistido na Zona Velha do Funchal – quer do ponto de vista da reabilitação urbana, quer do ponto de vista da limpeza ou mesmo da incapacidade de atrair, a esta zona, novos moradores – serviram de mote à intervenção da Deputada Municipal Vera Duarte, através da qual reiterou a necessidade da criação de um Programa de Arrendamento Jovem, especifico para esta zona da cidade. Uma iniciativa que, simultaneamente, promova a aquisição e a reabilitação dos edifícios devolutos existentes e reforce a sua atratividade, do ponto de vista dos apoios, a jovens do concelho ou residentes, pelo menos, há 5 anos, entre os 18 e os 35 anos de idade, com vista à sua fixação no centro do Funchal e combatendo, assim, o abandono e a degradação a que esta emblemática zona tem sido votada, pela Câmara Municipal do Funchal.

Refutando as desculpas a propósito da falta de verba para investir, Vera Duarte deixou claro. “Não foi só o PSD que chumbou o Orçamento. Foi toda a Oposição, inclusive os Partidos coligados que Vossa Excelência ajudou a descoligar, o que é sintomático e espelha a distância da sua equipa dos objetivos de desenvolvimento que este concelho merece”, disse, numa ocasião em que também aproveitou para questionar o Presidente da Câmara Municipal do Funchal acerca do estado de estagnação a que chegou o Município: “a culpa da cidade estar bloqueada, desde 2013, é também da oposição?”, indagou.