• bannerSitePSDM3jan2020.jpg
Notícias
  Quarta, 19 Fevereiro 2020

A suspensão das operações da TAP entre Portugal e a Venezuela levaram o deputado Social-democrata Paulo Neves a apresentar um pedido de Audição, urgente, ao Ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, de modo a que esta situação possa ser “devidamente esclarecida”. Pedido de Audição que deu entrada, nesta terça-feira, na Assembleia da República, perante aquilo que considera ser “uma decisão totalmente inaceitável” de Nicolás Maduro que não pode deixar de ter resposta, por parte do Governo da República.

“A nossa Comunidade na Venezuela não pode ficar sem ligação aérea a Portugal”, vincou o deputado do PSD, explicando que “o Ministro dos Negócios Estrangeiros será chamado à Assembleia da República para esclarecer todos os passos dados e a dar, no sentido de que, acima de tudo, sejam garantidos os direitos dos portugueses residentes naquele país, concretamente o direito à mobilidade”.

Para o deputado Paulo Neves, há, nesta matéria, uma questão de princípio à qual Portugal não pode ficar alheio. “Estamos e temos de estar, sempre e sem exceção, ao lado das nossas Comunidades e, neste caso, ao lado da Comunidade Venezuelana, enfrentando todos os ataques que, sem qualquer justificação, como neste caso, surjam, em nome daquilo que nos une e move enquanto País”, rematou. 

Refira-se que, a par deste pedido de Audição ao Ministro dos Negócios Estrangeiros, o deputado madeirense também subscreveu um Voto de condenação à atitude do Governo de Nicolás Maduro, voto esse que será apreciado e votado, em princípio, na próxima quinta-feira.