• bannerSitePSDM3jan2020.jpg
Notícias
  Sexta, 20 Setembro 2019

O Líder dos Social-democratas aproveita o último dia de campanha para reiterar compromissos e convencer a população a votar neste domingo, dia 22 de setembro, no único Partido capaz de continuar a trabalhar em nome de todos os Madeirenses e Porto-Santenses. Nesta ação, garantiu mais investimento na habitação social, mais facilidade no seu acesso e mais apoios às famílias que vivem nestes espaços.

Naquele que é o último dia de Campanha para as Eleições Regionais deste domingo, dia 22 de setembro, Miguel Albuquerque iniciou o seu dia junto da população do Bairro da Palmeira, em Câmara de Lobos – um dos mais antigos da Região – garantindo que o PSD/M irá manter e reforçar, na próxima legislatura, “o investimento na habitação social e na criação de melhores condições para quem habita os bairros sociais”.

Um compromisso reiterado, esta manhã, pelo líder dos Social-democratas, numa oportunidade que aproveitou para lembrar que, nos últimos quatro anos, o seu Governo investiu 14 milhões na reabilitação do seu Parque Habitacional, atribuiu mais de 28o habitações e apoiou cerca de 4.400 famílias madeirenses e porto-santenses, destacando, ainda e entre outros números, que, desde 2015, 210 famílias já beneficiaram de apoios a rondar os 2,6 milhões de euros, ao abrigo do programa de recuperação de imoveis degradados.

“Todo este investimento será reforçado nos próximos quatro anos e, inclusive, iremos criar um Programa Específico de apoio à Aquisição e Arrendamento de Habitação para os jovens e famílias que não disponham da totalidade dos meios financeiros para esse efeito”, garantiu Miguel Albuquerque, sublinhando que, ao contrário de outros, o PSD/Madeira “promete e cumpre".

Refira-se que o Bairro da Palmeira, situado no sítio da Torre, em Câmara de Lobos, está a ser alvo de obras de reabilitação, obras que são da responsabilidade do Governo Regional, através da IHM, contempladas no Projeto Integrado do Bairro da Palmeira, que deverá estar concluído, na sua totalidade, até dezembro de 2020. Uma intervenção que irá beneficiar 373 famílias.