• bannerSitePSDM3jan2020.jpg
Notícias
  Quinta, 9 Maio 2019

Incentivar a participação ativa dos mais novos no projeto europeu e reforçar a divulgação dos muitos programas e oportunidades que, atualmente, a juventude tem, neste contexto, ao seu dispor, foi a mensagem que a candidata social-democrata Cláudia Monteiro de Aguiar quis passar, neste dia da Europa, a uma plateia cheia de jovens que marcaram presença num debate organizado pela JSD Madeira. A temática escolhida, neste dia de celebração, não podia ser mais oportuna, conforme destacou a candidata, quando temos «uma Europa com oportunidades para os mais jovens e com inúmeras possibilidades para que estes se assumam, cada vez mais, como cidadãos europeus de pleno direito».

A vários níveis – quer do ponto de vista da mobilidade, da livre circulação, da formação e da educação – há um sem número de alternativas para os mais jovens que devem ser capitalizadas a nosso favor e para o futuro e é, também, nessa lógica, «que o PSD assume o compromisso de continuar, no Parlamento Europeu, a olhar para as questões especificas da juventude e, dentro do que for a sua competência, reforçar os apoios a estes programas ou alargar o seu âmbito, tendo sempre em conta os jovens das Regiões ultraperiféricas e, claro, da Madeira», disse.

Cláudia Monteiro de Aguiar que, reforçando a importância das novas gerações na construção da Europa, lembrou a existência de programas como o Corpo Europeu de Voluntariado ou o DiscoverEU, que são, entre outros, «exemplos que pretendem, precisamente, criar oportunidades para os jovens», sublinhando que, no caso do programa ERASMUS +, o montante de financiamento será triplicado no próximo quadro financeiro, «o que abre novas e importantes possibilidades para os nossos jovens».

CAMPANHA «COM ELEVAÇÃO»

«Não violamos qualquer tipo de regra eleitoral. Aquilo que fiz foi uma participação, enquanto eurodeputada e no exercício do meu mandato, ou seja, participei numa celebração, num diálogo aberto para os cidadãos e julgo que não é positivo coartar a liberdade de expressão e de poder responder a uma questão simples, como a que foi colocada, acerca do que é que faz um eurodeputado, para uma plateia de jovens». É desta forma que a Cláudia Monteiro de Aguiar reage ao anúncio do PS-Madeira em avançar para uma queixa junto da CNE, a propósito da sua participação numa iniciativa organizada, hoje, no Funchal, para celebrar o Dia da Europa.

«Pelas razões atrás referidas, estou de consciência tranquila», frisou a candidata, acrescentando, ainda, e já relativamente à queixa que foi apresentada, pelo seu Partido, por calúnias que andavam a circular contra o seu bom nome, que «não deixará de fazer uma campanha com elevação e baseada na apresentação de propostas», até porque a sua preocupação e principal prioridade é continuar a defender o que é melhor para a Madeira e para o Porto Santo, em Bruxelas.