• bannerSitePSDM3jan2020.jpg
Notícias
  Quinta, 21 Março 2019

A JSD/Madeira realizou esta tarde uma ação de reflorestação no Pico Castelo, no Porto Santo, no âmbito da celebração do Dia Internacional da Floresta, que teve como objetivo sensibilizar a população mais jovem para as boas práticas ambientais e para o cuidado com o património da Região.

A questão ambiental é um dos maiores desafios que a mundo enfrenta atualmente, defende a Juventude Social-Democrata. Por isso, os jovens devem estar todos unidos nesta causa. Uma causa que é de todos, independentemente de credos, religiões ou de ideologias políticas. “Prova disso foi a recente manifestação em prol do Ambiente que mobilizou milhares e milhares de jovens em todos os pontos do globo”

Para a JSD/M os efeitos das alterações climáticas que se manifestam através da subida da temperatura média e de intempéries como cheias, aluviões e incêndios, colocam em risco a segurança das populações. Por isso, entende ser essencial “continuar a despertar mentalidades para a necessidade de boas práticas ambientais”, não só junto dos mais jovens como junto da sociedade civil e das entidades governativas.

No âmbito desta actividade a JSD/M aproveitou para elogiar “o bom trabalho que está a ser realizado pelo Governo Regional”, através da Secretaria Regional do Ambiente e do Instituto de Florestas. “Estão a ser realizados investimentos, como nunca antes vistos, estão a apostar em medidas preventivas de reflorestação”, exemplificou esta estrutura partidária, que aproveitou o dia de hoje para lançar outra atividade.

Na antecâmara das comemorações do dia do Estudante, que se celebra a 24 de março, foi lançada a campanha ‘Jota Ativa’ na Escola Básica e Secundária Professor Doutor Francisco de Freitas Branco, no Porto Santo.O principal objectivo da campanha é aproximar a política aos jovens através de uma acção de sensibilização junto das escolas recorrendo a jogos e outras actividades mais didácticas, com o intuito de esclarecer alguns conceitos relativos à política.