• bannerSitePSDM3jan2020.jpg
Notícias
  Sábado, 19 Janeiro 2019

O Presidente da Mesa do Congresso, Sérgio Marques, deu início aos trabalhos, saudando todos os militantes e simpatizantes presentes. "Saudar em especial todos os delegados e as delegadas ao congresso em representação dos milhares de militantes sociais democratas, saudar esta grande família social-democrata", disse, perante uma sala cheia de congressitas.

Sérgio Marques agradeceu também a participação de todos, o "apego e amor à Madeira e à causa da social-democracia".

"Dou-vos a todos as boas vindas. Sois vós a alma do PSD-Madeira. Sois vós que fazem grande este partido."

Contudo, o Presidente da Mesa não deixou de fazer uma saudação muito especial ao Presidente do Partido, "o companheiro Miguel Albuquerque". "Felicito-te pela tua eleição, expressão da confiança e da vontade esmagadora dos militantes. Desejo-te o maior sucesso e que nunca te falte a vontade, a energia e a capacidade de liderança para conduzires o partido às vitórias que todos almejamos", disse.

Outra saudação especial foi dirigida ao Presidente Honorário e líder histórico do partido, "o companheiro Alberto João Jardim. É com muita satisfação que o temos entre nós, nesta reunião magna do partido que tanto ajudou a crescer e a fazer grande. Muito obrigado pela sua presença e participação ativa."

E ainda a Rui Abreu, "agora que cessa funções como Secretário Geral. Muito obrigado Rui por toda a tua entrega ao partido. E na tua pessoa agradecemos a todos aqueles que contribuíram para a organização e montagem deste Congresso."

Nas breves palavras de abertura, Sérgio Marques quis "pôr em relevo os elementos constitutivos da nossa identidade do PSD. "Somos um partido popular, interclassista, intergeracional, aberto, plural, reformista, autonomista, guiado pelo ideário da social democracia. Um partido com alma, atrativo e irradiador de mudança e esperança. Um partido humanista ao serviço das pessoas, constituindo a dignidade da pessoa humana seu valor absoluto."

Assim, "bem conscientes da nossa identidade", desejou que todos saibam aproveitar este congresso para reforçar a coesão interna do partido e a sua ligação e proximidade aos madeirenses e porto-santenses.

"Estes são fatores cruciais para enfrentarmos com sucesso os enormes desafios que temos pela frente. Companheiras e companheiros desejo-vos a todos força, coragem e determinação para servir as causas da Madeira e do Porto Santo".