• bannerSitePSDM3jan2020.jpg
Notícias
  Sábado, 27 Outubro 2018

Num concelho em que o Partido é oposição, a grande mobilização verificada este sábado no II Encontro Concelhio do PSD/Funchal é prova da “vitalidade” social-democrata.

 A leitura de Rui Abreu, secretário-geral do PSD/Madeira, é sustentada pela enorme adesão de militantes ao encontro que decorreu numa unidade de restauração em Santo António. “Este tipo de encontros, com grande mobilização dos nossos militantes é sinónimo de vitalidade do PSD”, destacou Rui Abreu, antes de notar a ironia deste encontro em que se discute a Cidade do Funchal decorrer no mesmo dia em que o Partido Socialista decidiu debater o Turismo.

 “Acho muito engraçado que hoje [o PS] vá debater o turismo quando a nossa Cidade está cada vez mais suja, descuidada e com um trânsito caótico”, comentou o secretário-geral social-democrata, lembrando que a primeira preocupação, antes de falar de Turismo, deveria ser cuidar do Funchal. “A primeira missão é cuidar da Cidade para os residentes e para os turistas.”

Foi assim, lembrou, na anterior vereação. O Funchal era uma cidade limpa e cuidada. Reconhecida internacionalmente, como demonstram os prémios recebidos. Um deles, recordou Rui Abreu, foi recebido na Irlanda por Miguel Albuquerque, à data presidente da Autarquia, e por Raimundo Quintal, que tinha o pelouro do Ambiente.