• 1bannerSitePSDM19jun2018.jpg
  • 35227974_10216705850468501_2142540222246682624_n.jpg
  • bannerSitePSDM23mar2018rui.jpg
  • topofaceCompromissoMadeira2018
Subsídio de mobilidade

O PSD Madeira congratula-se com a entrada em vigor hoje ( dia 1 de Setembro) do novo regime de mobilidade para os residentes e estudantes da Região Autónoma da Madeira (RAM), no valor de 86 euros para residentes e 65 euros para estudantes.

 

Este é um compromisso cumprido pelo Governo Regional da Madeira para com os Madeirenses e Porto-santenses.


Verifica-se, sem qualquer surpresa, o incómodo que a concretização desta medida implica para alguns partidos da oposição que, nesta matéria, tentam confundir aquilo que é inconfundível: A VERDADE.


E a VERDADE significa que os residentes na RAM, a partir de agora, pagam as viagens de ida e volta ao Continente mais baratas do que os residentes nos Açores (Madeira: 86 euros; Açores:134 euros), e que o atual regime é incomparavelmente melhorado relativamente ao anterior, onde, por exemplo, numa viagem de 400 euros os residentes recebiam 60 euros sendo que agora recebem 314 euros.


O prazo de 60 dias para o reembolso, tal como já foi convenientemente explicado pelo Secretário Regional da Economia, Turismo e Cultura, visa prevenir a utilização abusiva dos cartões de crédito para acumulação de pontos e, por consequência, o uso indevido de dinheiro dos contribuintes, que nada têm a ver com o subsídio de transporte, como está, na realidade, a acontecer nos Açores.