• bannerNewsPSD8dez.jpg
  • bannerSitePSDMconclusoes.jpg
  • bannerSitePSDM23mar2018rui.jpg
Antigos Combatentes e Deficientes das Forças Armadas

A candidatura do PSD Madeira à Assembleia da República defendeu hoje a necessidade do reforço ao apoio social dado aos madeirenses que combateram na guerra colonial.

Após uma reunião com o Núcleo Regional da Madeira da Liga dos Combatentes, a cabeça de lista pelo círculo eleitoral da Madeira, Sara Madruga da Costa, reconheceu o valor e a importância das ações levadas a cabo por esta instituição secular na defesa e proteção dos direitos daqueles que lutaram em nome da pátria.

O núcleo regional conta com pouco mais de 700 sócios, sendo a falta de um médico para acompanhar os antigos combatentes nas instalações, no antigo Paiol do Funchal, a necessidade de concluir as obras na sede e as questões relacionadas com a reforma e outros apoios sociais as principais preocupações manifestadas pelos dirigentes regionais.

Face às dificuldades sentidas pelos que lutaram na guerra colonial, Sara Madruga da Costa considera que “o Ministério da Defesa Nacional deve continuar a apoiar a Liga dos Combatentes e deve prosseguir com uma política de dignificação do estatuto dos Antigos Combatentes e dos Deficientes das Forças Armadas proporcionando-lhes um adequado apoio social.”

“É fundamental apoiar os ex-combatentes que atravessam dificuldades na sua vida a nível financeiro e psicológico e em especial os ex-combatentes com menos posses que necessitam de apoio na velhice”, disse.