• bannerNewsPSD8dez.jpg
  • bannerSitePSDMconclusoes.jpg
  • bannerSitePSDM23mar2018rui.jpg

A deputada Rubina Berardo acusou hoje o Bloco de Esquerda de querer "a asfixia das receitas fiscais da Madeira" e dos seus instrumentos de financiamento, "no sentido de ficar completamente dependente do Orçamento de Estado para não ter iniciativas próprias".  

Na discussão, na Assembleia da República, das iniciativas relacionadas com o Centro Internacional de Negócios da Madeira, a deputada lembrou a importância do CEINM na criação de empregos e de receita própria, desafiando o deputado Paulino Ascenção a olhar olhos nos olhos das famílias que serão afetadas pelo Projeto de Lei do Bloco de Esquerda. Lançou ainda o repto ao deputado bloquista madeirense para que apresente alernativas para a empregabilidade e receitas geradas pelo CEINM.

Rubina Berardo sublinhou ainda que a Madeira e as Canárias têm essa clarificação ao nível da criação de postos de trabalho, afirmando que o Bloco de Esquerda pretende "empurrar" as empresas sediadas na Madeira para os "verdadeiros off-shores e paraísos fiscais". "Estão a trabalhar para essas praças financeiras senhor deputado?, rematou.