• banner2018.jpg
  • bannerSItePSDMconselhoOut2017_5.jpg
  • bannerSItePSDMconselhoOut2017_1.jpg

A candidatura do PSD Madeira destacou esta manhã o papel importante que a agricultura tem vindo a assumir na nossa economia regional.

Em visita a explorações agrícolas no concelho da Calheta, a cabeça de lista às legislativas de 4 de outubro referiu ser "fundamental continuar a apostar na atração dos jovens para este setor e garantir a execução de fundos comunitários", lembrando que o financiamento da União Europeia torna-se essencial para a concretização da maior parte dos projetos.

Sara Madruga da Costa aproveitou ainda para relembrar que os deputados do PSD-M à Assembleia da República "foram sempre os primeiros a defender os interesses da Madeira e do Porto Santo e que os atuais candidatos do PSD-M, comprometem-se a continuar com esse trabalho no Parlamento nacional, tendo por base o lema da 'Autonomia Sempre'."

"Foram os últimos governos nacionais do PS que atentaram contra a Autonomia da Madeira e do Porto Santo, quando aprovaram a Lei de Finanças Regionais que tirou dinheiro da Madeira para dar aos Açores, quando quase enterraram o Centro Internacional de Negócios da Madeira (CINM) ou quando tentaram afundar o Registo Internacional de Navios", disse.

A candidata lembrou também que "estes ataques à Autonomia da Madeira e do Porto Santo tiveram a cumplicidade dos deputados do PS-M à Assembleia da República".

"O PSD Madeira é o único partido defensor da Autonomia e que defende os interesses dos Madeirenses e Porto-Santenses na Assembleia da República", acrescentou Sara Madruga da Costa.