• 1bannerSitePSDM19jun2018.jpg
  • 35227974_10216705850468501_2142540222246682624_n.jpg
  • bannerSitePSDM23mar2018rui.jpg
  • topofaceCompromissoMadeira2018

A deputada do PSD/M na Assembleia da República Sara Madruga da Costa ouviu esta manhã as preocupações e os anseios dos guardas noturnos da Madeira, numa reunião que decorreu na sede da Rua dos Netos.

Enaltecendo o importante papel dos guardas noturnos na comunidade em complemento das forças de segurança, Sara Madruga da Costa, sublinhou a necessidade de resolver os problemas que estes profissionais enfrentam diariamente.

“São agentes de proximidade que todos os dias protegem idosos, protegem bairros sociais, não têm qualquer custo para o Estado, porque são os cidadãos que pagam este serviço”, disse.

Por isso, defende a deputada, é urgente alterar o regime jurídico. Nomeadamente o regime do porte de armas e a clarificação qual a entidade que presta formação para que os guardas-noturnos possam aceder à carreira profissional. Ou até mesmo a utilização de um pirilampo (lâmpada azul) nos veículos para que possam ter prioridade no exercício da sua função.

Sara Madruga da Costa aproveitou a reunião para tecer duras críticas a António Costa e ao Governo da República. “O Primeiro-ministro António Costa e o seu Governo continuam, alegremente, a fingir que governam, mas nada resolvem. O que se passa com os guardas noturnos é apenas mais um dos muitos exemplos da governação desta geringonça que apregoa que vai resolver todos os problemas e nada resolve.”

Este problema, notou a deputada, é apenas o sintoma dos problemas que a Região enfrenta face à atuação do Governo Central. “Há três anos que o PSD/M, os madeirenses e porto-santenses aguardam que se resolva o problema do financiamento do Novo Hospital da Madeira, aguardam que se resolva a revisão do subsídio de mobilidade, aguardam o pagamento das dívidas à Região em diversas áreas como os subsistemas de saúde”, apontou.

A deputada continuou: “Temos também um Governo [Central] que continua a ganhar dinheiro às custas da Região, porque não altera as taxas de juro do empréstimo da Madeira para com a República.” Situações que o PSD/Madeira considera “inaceitáveis”

A deputada do PSD irá questionar o Ministro da Administração Interna sobre a situação dos guardas noturnos, garantindo que os deputados madeirenses continuarão a denunciar o Governo da República que “continua a fingir que governa, mas que na realidade nada resolve.”