• bannerNewsPSD30jun.png
  • bannerSitePSDMconclusoes.jpg
  • bannerSitePSDM23mar2018rui.jpg
Notícias
  Quinta, 4 Outubro 2018

Os vereadores do PSD de Machico apresentaram, hoje, em reunião de Câmara, uma proposta para a aplicação de uma "taxa de 3 % de participação variável de IRS para 2019", a qual foi chumbado pelo partido socialista, apesar de ter sido prometido pelo atual presidente e pelo PS a redução desta taxa, assim que fossem melhoradas as contas do município.

Basta recordar as afirmações de Avelino Conceição na reunião da Assembleia Municipal de 18 de dezembro de 2013, na altura líder concelhio do PS/Machico e presidente da Junta de Freguesia da Água de Pena. O dirigente socialista deixou bem claro “...que discorda da arrecadação desta parcela de imposto pela autarquia tendo participado numa conferência de imprensa de denúncia desta situação e que no próximo ano gostaria de ver devolvido este valor aos munícipes por ser de toda a justiça entregar aos trabalhadores, ultimamente tão penalizados, esta parcela do seu rendimento.”

Uma vez que o próprio Presidente da autarquia já afirmou diversas vezes que a Câmara já recuperou algum desafogo financeiro, os autarcas do PSD lamentam que o executivo não cumpra aquilo que prometeu aos machiquenses, considerando também as dificuldades sociais e financeiras por que muitas famílias ainda atravessam.

Os autarcas do PSD lembram que esta opção já foi adotada por algumas câmaras da Região, defendendo que a política de redução de impostos deve ser continuada e reforçada.