• 1bannerSitePSDM19jun2018.jpg
  • 35227974_10216705850468501_2142540222246682624_n.jpg
  • bannerSitePSDM23mar2018rui.jpg
  • topofaceCompromissoMadeira2018
Notícias
  Quarta, 27 Junho 2018

A proposta do PSD/São Martinho destinada ao ‘Melhoramentos dos Jardins Públicos da Freguesia’ levada esta terça-feira, à reunião de Assembleia de Freguesia de São Martinho foi aprovada por maioria.

O projecto apresentado pelos social-democratas compreende obras de reabilitação e requalificação em quatro espaços verdes da freguesia, que o PSD considera poderem ser intervencionados, de modo a incrementar de forma ordenada e regrada a sua utilização.

“Numa freguesia moderna e cosmopolita, como são características da freguesia de São Martinho, urge a necessidade de potenciar e melhorar os espaços comuns existentes para o bem de todos”, explicou a presidente da Comissão Política de Freguesia do PSD, Patrícia Dantas.

Assim, o Jardim de São Martinho deverá ter “um caráter mais científico e pedagógico com a discriminação das plantas disponíveis no espaço, o piso do parque infantil deve de ser requalificado e deverá ser criado um acesso interior entre o jardim e o Caminho do Amparo.”

Para a Mata da Nazaré a proposta do PSD/São Martinho prevê a disponibilização de um ginásio ao ar livre, a criação de um passadiço regular, o melhoramento na delimitação do jardim com a empresa vizinha, e a criação de um espaço exclusivo para animais de companhia.

No Jardim da Avenida do Amparo, o melhoramento do espaço implica a disponibilização de um bar local junto ao parque infantil, um ginásio ao ar livre e a criação de um segmento de escadas para treinos de maior intensidade, esclareceu a autarca social-democrata.

A intervenção no Jardim da Ajuda, na opinião dos membros do PSD na Assembleia de Freguesia de São Martinho, passa pelo melhoramento na “delimitação do jardim” nas zonas sobranceiras ao acesso às garagens junto às hortas, e no muro junto ao Edifício Green Park. A proposta social-democrata contempla também a “requalificação do piso do parque infantil” e a “circunscrição” da zona mais a sul do jardim para uma área exclusiva para animais. Assim, explicou Patrícia Dantas, fica garantida uma melhor gestão e limpeza do espaço.