• 1bannerSitePSDM23junCOmpromissoCanico2018.jpg
  • 35227974_10216705850468501_2142540222246682624_n.jpg
  • bannerSitePSDM23mar2018rui.jpg
  • topofaceCompromissoMadeira2018
Notícias
  Quinta, 21 Junho 2018

O Caminho do Lombo, localizado no Monte, é um percurso com elevados níveis de sinistralidade. Para além de ser um caminho estreito, com visibilidade reduzida, este percurso não permite a chegada de meios de socorro – ambulâncias e viaturas de combate a incêndios – até a população que reside naquela localidade.

Os vereadores do PSD defendem, assim, que a Câmara Municipal do Funchal (CMF) proceda ao alargamento do Caminho do Lombo, uma proposta que será apresentada em Reunião de Câmara esta sexta-feira.

“É urgente a concretização do alargamento desta via de forma a garantir as condições de segurança necessárias neste percurso, que atualmente não estão asseguradas”, alertou Rubina Leal.

A vereadora social-democrata referiu que os moradores daquela zona vivem em “permanente sobressalto”, devido às más condições do Caminho do Lombo, que já levaram inclusive a acidentes fatais.

Os veículos de emergência também já passaram por dificuldades em prestar socorro às pessoas que dele necessitam, devido ao facto de ser um caminho demasiado estreito. “Em situações de cariz urgente, qualquer minuto é determinante para prestar o devido auxílio aos munícipes, algo que não se encontra assegurado naquele troço”, sublinhou.

Dizendo que este é um “anseio reiterado” dos habitantes da zona e dos automobilistas que por lá passam diariamente, Rubina Leal concluiu que “cabe à Autarquia a responsabilidade de manter as estradas, sob égide camarária, em condições de transitabilidade, bem como garantir a segurança dessas mesmas vias”