• bannerNewsPSD21set3.jpg
  • 35227974_10216705850468501_2142540222246682624_n.jpg
  • bannerSitePSDM23mar2018rui.jpg
  • topofaceCompromissoMadeira2018
Notícias
  Quarta, 29 Novembro 2017

Neste três anos de mandato e em conjunto com a proposta de Orçamento para 2018, a devolução de rendimento às famílias madeirenses, em sede de IRS, totaliza já os 25 milhões de euros. "É importante realçar este aspeto porque, ao contrário do que muitas vezes é dado ao entendimento das pessoas é que as reduções são baixas e podiam ir mais longe, mas é preciso que se tenha em linha de conta que todo este esforço que tem sido feito em termos de orçamento regional tem um volume que já atinge os 25 milhões de euros", afirmou o deputado Carlos Rodrigues, em conferência de imprensa, realizada hoje na Assembleia Legislativa da Madeira.

O vice-presidente do Grupo Parlamentar do PSD sublinhou que, sendo o IRS um imposto progressivo de carácter progressivo, a redução nos dois primeiros escalões acaba por ter impacto nos escalões seguintes, mesmo naqueles de maiores rendimento, atingindo cerca de 110 mil agregados familiares.

Carlos Rodrigues lembrou que as reduções no IRS iniciaram-se na Madeira ainda antes do processo de diminuição de carga fiscal por parte do Governo da República. "Ou seja, o Governo Regional não esperou que isso acontecesse a nível nacional para iniciar essa situação aqui na Madeira."